Medidas Extraordinárias COVID-19

Segurança, Higiene e Conforto são o ADN da experiência que oferecemos!

Passados 78 dias após a suspensão das visitas à Torre, Museu e Igreja dos Clérigos voltamos a reabrir a nossa operação no dia 30 de maio de 2020.

Seguindo todas as orientações e recomendações da Direção-Geral de Saúde, ICOM Portugal, em linha com as diretrizes da Conferência Episcopal Portuguesa, desenvolvemos o Plano de Normas e Procedimentos de Prevenção e Controlo ao COVID-19, um documento com as adaptações necessárias para receber com todo o conforto, segurança e excelentes níveis de higiene e desinfeção todos os colaboradores e todos os visitantes para que possam fruir em pleno da Torre, Museu e Igreja dos Clérigos.

Foram definidos 3 pilares fundamentais para que tal possa ocorrer:

MEDIDAS INTERNAS DE SEGURANÇA

-> Disponibilizamos a todos os colaboradores equipamentos de proteção individual (EPI’s) para seu uso – máscaras, viseiras de proteção, luvas de látex e fato de contaminação para as áreas a serem limpas e desinfetadas.

-> Colocamos painéis acrílicos de proteção na(s) zona(s) de atendimento ao público.

-> Disponibilizamos vários dispensadores automáticos de álcool-gel para desinfeção das mãos.

-> Definimos um plano de higienização dos vários espaços, com foco em todos os locais de maior propensão ao toque e, também, sanitários, utilizando produtos adequados, desinfetante bactericida e virucida.

-> Realizamos formação comportamental para todos os funcionários de acordo com o Plano de Normas e Procedimentos.  

-> Realizamos formação na área da limpeza e utilização de produtos químicos.

-> Medimos a temperatura corporal aos funcionários (duas vezes ao dia).

MODELO DE OPERAÇÃO E REGRAS DE VISITA

-> Temos uma entrada e uma saída diferentes para a visita ao Museu e Torre dos Clérigos, por forma a evitar o cruzamento dos visitantes.

-> Na entrada principal, está um colaborador que vai convidar os visitantes a desinfetar as mãos e a colocar/permanecer de máscara, realizando e controlando o fluxo adequado para a respetiva visita, de acordo com uma gestão de horários e capacidades definidas.

* (Oferecemos máscara a todos os visitantes que necessitarem)*

-> Há dois acessos para a receção/bilheteira, um para a aquisição do bilhete e outro de acesso prioritário (inclui bilhetes já comprados online ou em parceiros). Entre a receção e a entrada apenas podem estar 5 pessoas, por forma a cumprir o distanciamento social (2 metros).

-> Na receção, é medida a temperatura corporal do visitante (temperaturas acima dos 38º têm o acesso vedado). Após este controlo, está um colaborador devidamente protegido para o atendimento dos visitantes. Os bilhetes são disponibilizados de acordo com slots de horários de 30 em 30 minutos, para o máximo de 30 visitantes por cada horário.

-> O horário das visitas mantém-se o mesmo: diariamente das 09h00 – 19h00, sendo que a última visita ocorre às 18h30.

-> O percurso é de sentido único. Há informação para relembrar os visitantes a promoverem o distanciamento social (2 metros) e sinalética de apoio.

-> Na visita à Torre está definido o apoio de colaboradores para apoiar na gestão de fluxos, evitando cruzamentos dos visitantes. A permanência no topo da Torre é gerida pelos colaboradores, para um mínimo de 15 minutos por varandim.

-> A saída da Torre é feita pela sua porta principal, evitando assim, o contacto com visitantes e colaboradores presentes na receção.

-> Na Igreja, está definido um percurso de visita e os lugares sentados estão devidamente assinalados respeitando o distanciamento social (2 metros).

-> O acesso a fornecedores está restringido, pelo que devem contactar telefonicamente com a receção para anunciar a sua presença. Qualquer material é deixado em local definido por forma a não permitir contactos com colaboradores e visitantes.

PLANO DE CONTINGÊNCIA

Está definido uma área de isolamento para casos suspeitos e/ou confirmados de COVID-19, destinado a colaboradores e/ou visitantes, por forma a impedir a exposição do vírus a outras pessoas.

Esta área está equipada com:

- telefone

- cadeira

- kit com água e alimentos não perecíveis

- caixote de resíduos

- solução antisséptica de base alcoólica

- toalhetes

- máscaras cirúrgicas

- luvas descartáveis

- termómetro

 

Selo “Clean & Safe”

Somos detentores do Selo Clean & Safe, promovido pelo Turismo de Portugal.

Reconhecemos a importância deste selo e o respetivo significado para as empresas de animação turística, agências de viagem e outras empresas registadas no Turismo de Portugal, bem como Museus e Monumentos Nacionais que cumpram estas normas de higiene recomendadas pela DGS.

É, efetivamente, uma excelente medida na proteção e segurança, mas também, um excelente momento de comunicação e no reforço do destino Portugal, quer para o mercado interno quer para o mercado internacional.

 

Agradecemos a compreensão e colaboração no respeito pelas Normas e Procedimentos de Prevenção e Controlo ao COVID-19.